OURINHOS TV

20/11/2012

Por falta de repasse da prefeitura bombeiros esto ficando at sem comida, afirma Lucas Pocay

Compartilhe este video

Durante a ltima sesso ordinria da Cmara Municipal de Ourinhos, realizada na noite de segunda-feira (19/11), o vereador Lucas Pocay (PTB), em seu pronunciamento na tribuna da Casa de Leis, fez uma sria denuncia em relao a falta de ateno da administrao municipal com o Corpo de Bombeiros, e atravs de dois requerimentos cobrou explicaes. Segundo o vereador, chegando at mesmo a faltar comida para na corporao. Estamos observando situaes que no deveriam acontecer, s para dar um exemplo, por vrias ocasies a corporao ficou sem ter feijo para comer, sem ter alimentos no almoo. Isso por falta de repasse, por falta de recurso, por falta de ateno da Prefeitura com os bombeiros, disse Pocay. Para Lucas identificar o problema simples, trata-se de puro descaso da administrao. A prefeitura faz um prego, faz a distribuio dos alimentos em todas as escolas, chega na corporao por ultimo. J aconteceu dos bombeiros devolverem os alimentos, de no aceitarem porque chegaram podres, um absurdo isso. Podem falar que no possvel que isso esteja acontecendo. Mas infelizmente est, eu fui l, eles falaram, por isso fiz esses requerimento. De acordo com o vereador, o problema se d devido m gesto dos recursos por parte da administrao Toshio Misato (PSDB), j que foi criada a taxa de incndio, na qual os muncipes pagam um valor que vem cobrado juntamente com o IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano), que tem que ser repassado para custeio e manuteno do Corpo de Bombeiros em Ourinhos. Atravs do meu requerimento, quero que o prefeito explique para a populao quanto est sendo arrecadado com a taxa de incndio, e quanto e como esses recursos esto sendo repassados aos bombeiros, explicou ao OURINHOSNOTCIAS. O vereador finalizou dizendo que a falta de recurso no atinge s a alimentao dos bombeiros, mas tambm a manuteno de veculos e equipamentos. Tem veculo parado e o custo para arrumar e colocar em funcionamento no chega a R$ 100,00 e est l, parado por falta de recursos. Essa nossa preocupao, se criaram a taxa tem que ser repassada corretamente. OURINHOSNOTCIAS COMPLETO, POR ISSO LDER EM AUDINCIA!

Comente esta notcia
Deixe seu comentrio abaixo:

termos de uso

COMENTRIOS

PUBLICIDADE