NOTCIA

12/03/2020 |

Alunos do SESI-SP conquistam dez prmios em nacional de robtica e classificam quatro equipes para campeonato em Houston (EUA)

Compartilhe esta notcia

Dez prêmios e onze times classificados para torneios internacionais. A dedicação dos alunos da rede escolar SESI-SP pelos estudos em robótica os fez destaque na edição nacional do torneio First LEGO League (FLL), entre os dias 6 e 8 de março, em São Paulo. Os alunos das equipes Robotics School (Ourinhos) e Heroes (Jundiaí) ficaram com a segunda e terceira colocação na principal categoria do campeonato, classificações que os levam diretamente para competir em Houston (EUA), no mês de abril.

Quando partirem para o FIRST Championship levam reforços: o desempenho dos times X-Force (Bauru) e Big Bang (Birigui) no nacional também os classificou para o campeonato considerado a Copa do Mundo da Robótica, fazendo com que o SESI-SP ocupe todas as vagas disponíveis para esta importante competição.

Os estudantes do SESI-SP que foram ao nacional também subiram ao palco quatro vezes para receber a primeira colocação: os prêmios “Processo de Pesquisa”, “Solução Inovadora”, “Inspiração” e “Gracious Professionalism” foram entregues para a Big Bang (Birigui), Biotech (Barra Bonita), Morvan (Guarulhos) e Thunderbóticos (Rio Claro), respectivamente.

Já os alunos de Araras (equipe Los Atômicos) ficaram com o 2º lugar em “Processo de Pesquisa”. A X-Force, de Bauru, também chegou à segunda posição, na categoria “Apresentação”. Enquanto Robot Hunters (Cajamar) e Red Rabbit (Americana) se destacaram em 3º e foram premiados por “Programação” e “Estratégia e Inovação”.

Torneio internacionais

Além dos times que competem em Houston entre os dias 15 e 18 do próximo mês, o SESI-SP leva para fora do país os Thunderbóticos (Rio Claro). Os alunos vão participar do FIRST LEGO League Razorback Open Invitational, entre 14 e 17 de maio, no Arkansas (EUA).

Biotech (Barra Bonita), Los Atômicos (Araras), Red Rabbit (Americana), Robot Hunters (Cajamar), Thunderbirds (Garça) e Taiada Nexus (Caçapava), esta última estreante no nacional, classificaram para a First LEGO League Open Internacional, que este ano acontece no Rio de Janeiro, ainda sem data definida.

Conheça os projetos dos times vencedores na categoria Champions Awards:

Semáforo com reconhecimento facial para priorizar a travessia de idosos e cadeirantes

Pensando na promoção de cidades cada vez mais acessíveis, alunos do SESI Jundiaí (unidade Jardim Tarumã) criaram um instrumento de controle de tráfego capaz de realizar o reconhecimento de pessoas com mobilidade reduzida, como idosos e cadeirantes. Além de programar o tempo ideal e seguro de travessia, o sistema é autônomo na produção de energia.

O projeto foi desenvolvido pela equipe Heroes, formada há quatro anos e, hoje, integrada por estudantes com idade entre 12 e 15 anos, que cursam entre a 7ª série do ensino Fundamental ao 1º ano do Médio. Estreantes no nacional, em 2017, o time levou o prêmio Melhor Design do Robô na edição regional do torneio WRO (World Robot Olympiad).

App mapeia vagas de estacionamento em locais públicos

Com a finalidade diminuir tempo de buscas de vaga de estacionamento, e consequentemente congestionamento nas ruas, os alunos de Ourinhos pensaram num aplicativo que mapeia todas as vagas públicas de estacionamento, estejam livres ou ocupadas.

De Ourinhos, a equipe Robotics School, formada por estudantes entre 11 e 16 anos, de 7º ano do ensino Fundamental ao 2º do Médio, já participaram de cinco campeonatos mundiais, sendo a última premiação conquistada o título Gracious Professionalism, num torneio na Turquia, em 2019.

Fonte: www.ourinhosnoticias.com.br

Comente esta notcia
Deixe seu comentrio abaixo:

termos de uso

COMENTRIOS

PUBLICIDADE