NOTCIA

15/08/2019 |

Operao conjunta entre Polcias e Secretaria Municipal de Segurana lacra revenda de sucatas em Ourinhos

Compartilhe esta notcia

Operação “Metal Pesado” desencadeada em conjunto entre as Polícias Civil e Militar, Secretaria Municipal de Segurança Pública e Setor de Fiscalização e Posturas da Prefeitura de Ourinhos, lacrou revendas de sucatas, apreendeu material suspeito e levou empresários presos em flagrante, na manhã de quinta-feira (15) em Ourinhos. Representantes da Vivo e da CPFL também colaboraram com as buscas. O objetivo da operação, que será permanente, é coibir o furto, receptação e a revenda de fiação ou patrimônio público.

Cerca de 40 Kg de fiação de telefonia e de energia elétrica, além de possíveis produtos de furto como dois motores de popa e um baú de caminhão foram apreendidos. Três empresários foram presos em flagrante e seus estabelecimentos lacrados, por falta de alvará. As revendas de sucata lacradas ficam na Vila Brasil, Vila Sândalo e na Rodovia Mello Peixoto. Ao todo 15 pontos de comércio de sucata em Ourinhos foram fiscalizados. Também ocorreu apreensão de produtos em Chavantes, com uma prisão em flagrante. Os donos dos estabelecimentos vão responder por receptação qualificada, crime com pena entre 3 e 8 anos de prisão.

“A finalidade é o combate e repressão ao crime de subtração de fios elétricos e de telefonia, que causa grande prejuízo à comunidade. Tais ações conjuntas são incentivadas pelo prefeito Lucas Pocay para que possamos ter uma Ourinhos cada vez mais segura”, declara o Secretário Municipal de Segurança Pública, Coronel Wagner Soares, que elogiou o trabalho dos fiscais de postura, que lacraram estabelecimentos que funcionavam irregularmente, sem alvará.

O Delegado da Polícia Judiciária de Ourinhos, Pedro Telles Nascimento, responsável pela Operação Metal Pesado elogiou a participação de todos os envolvidos, em especial as equipes da Prefeitura de Ourinhos que agiram com rigor na fiscalização e punição dos estabelecimentos envolvidos.

“A Prefeitura teve papel significativo na Operação, num trabalho extremamente importante, de lacrar esses estabelecimentos, porque o alvará é dado em caráter precário. Se a pessoa usar o estabelecimento para praticar crimes, está desviando a finalidade do alvará”, explica Telles.

O Delegado diz ainda que o apoio da Prefeitura também será fundamental no futuro, com a atuação da Guarda Municipal como mais um parceiro contra o crime.

“Nós estamos dando passos importantes. Hoje, por exemplo, temos o videomonitoramento da Prefeitura, que tem nos ajudado muito. Essa disposição que a Prefeitura mostra em colaborar conosco é fundamental.”



Fonte: www.ourinhosnoticias.com.br

Comente esta notcia
Deixe seu comentrio abaixo:

termos de uso

COMENTRIOS

PUBLICIDADE