NOTCIA

19/05/2019 |

Presidente da CPI da Cultura descarta envolvimento do prefeito Lucas Pocay e aponta Paulo Flores como responsvel pelo suposto esquema

Compartilhe esta notcia

Em entrevista a imprensa o presidente da “CPI da Cultura” vereador Sargento Sérgio aponta que o prefeito o Lucas Pocay não teria qualquer envolvimento ou conhecimento das supostas irregularidades envolvendo da Cooperativa Brasileira de Trabalhos dos Profissionais das Artes. Segundo ele o ex-secretário de cultura Paulo Flores teria arquitetado todo o suposto esquema.

Instaurada no dia 12 de março de 2018 a CPI apura supostas irregularidades envolvendo a cooperativa que recebia recursos da prefeitura para prestar serviços na área da cultura.

Segundo denúncias, integrantes da cooperativa e o ex-secretario de cultura recebiam dinheiro de caixa da 2 da entidade.

Assim que tomou conhecimento do caso, o Prefeito Lucas Pocay exonerou o então secretário de cultura Paulo Flores.

Fazem parte da “CPI da Cultura” os vereadores: Sargento Sérgio (presidente), Caio Lima (relator), Flávio Luis Ambrozim (membro), Anísio Felicete (membro) e Raquel Spada (membro).

Ao todo a CPI ouviu 25 pessoas e o relatório final com a conclusão dos trabalhos deve ser lido na próxima sessão ordinária Câmara, que será realizada na segunda-feira (20) e votada pelos vereadores.

Fonte: www.ourinhosnoticias.com.br

Comente esta notcia
Deixe seu comentrio abaixo:

termos de uso

COMENTRIOS

PUBLICIDADE