ARTIGO

25/06/2013

PMB mesmo antes de existir mostra oportunismo

Compartilhe este artigo

Como se no bastassem os polticos e partidos oportunistas que j existentes no Brasil e que vem sendo motivo de protestos por todo o pas, o Salto Grandense, Capito Augusto Rosa, vem tentando sem sucesso, fundar o PMB (Partido Militar Brasileiro). O partido antes mesmo de existir legalmente j vem mostrando que pode ser fundado desprovido de qualquer conceito moral, tico e apostando no oportunismo barato. O militar/poltico vem a todo custo tentando dar visibilidade a sua inexistente legenda, atravs da divulgao de notcia produzidas por sua assessoria, que so no mnimo esdrxulas, e que vem envolvendo autoridades em situaes vexatrias. A tendncia ao rdico do projeto de parido comeou quando promoveu campanha onde prometia distribuir caros prmios a quem aderisse a PMB. O que esperar de um partido que j em seus primeiros passos tenta comprar ou trocar por benefcios a adeso de seu apoiadores, ao invs de incentivar o senso cvico e democrtico. O PMB mesmo antes de existir legalmente, j mostra que veio para se aproveitar das muitas brechas existentes na legislao brasileira, e ao invs de uma conveno nacional como manda a Lei, sem conseguir reunir seus supostos membros em todo o pas, promoveu uma conveno virtual, o que em funo de ser antiga, validada muito antes da internet existir, a legislao no estabelece nada em relao ao tema. A ltima piada poltica e miditica promovida pelo Partido Militar Brasileiro, que em tudo estranhamente representado pelo militar Capito Augusto Rosa, foi a divulgao da noticia de que o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, estaria sendo cotado para disputar a presidncia da republica representando o PMB Joaquim Barbosa foi exposto a piada nacional por um partido que no existe legalmente, que ele sequer conhece, sem nunca ter se declarado interessado em entrar para poltica, tudo pelo devaneio de uma pessoas que acha que para ter os benefcios de se fundar um partido vale tudo. Outro ponto que chama a ateno, o fato do militar Capito Augusto aparecer na mdia, na articulao da legenda, nas notas assinadas pelo partido, como seu representante, sendo que proibida por Lei a relao de militares com partidos polticos. Apesar de tudo levar a crer que Capito Augusto o responsvel pelo Partido Militar Brasileiro, por ele ter sido trs vezes candidato a deputado federal e em todas derrotado, estranhamente sua mulher aparece como a presidente do partido. Alguns falam que ela laranja de Capito Augusto, mas sinceramente no acreditamos que uma atitude to antitica como essa seja verdadeira, ainda mais vinda de algum que afirma quere melhorar o pas atravs da poltica.

Autor: www.ourinhosnoticias.com.br

Comente esta notcia
Deixe seu comentrio abaixo:

termos de uso

COMENTRIOS

PUBLICIDADE